-A A +A
Museu de História Natural do Sul do Espírito Santo

"A matemática invadiu o MUSES"

A 14ª Semana Estadual da Ciência e da Tecnologia, teve como tema deste ano “A matemática está em tudo”. Tendo em vista que o MUSES passou por um processo de reestruturação e realocação de um novo espaço, também foi reinaugurado, em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação (FAPES), patrocinadores: Prefeitura Municipal de Jerônimo Monteiro, Uniaves, Stocco Meio Ambiente, Sindirochas e principalmente aos professores e alunos da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), que estiveram envolvidos na reabertura do museu com o tema “A matemática invadiu o MUSES” que ocorreu nos dias 24 a 28 de outubro de 2017.

 

Confira a reportagem  aqui.

Tema das oficinas desenvolvidas ao longo da 14ª SNCT: “A matemática invadiu o MUSES”

 

  • Visita guiada do acervo: Possibilidade de conhecer o acervo do MUSES, que contou com a introdução de novos espécimes e suas contextualizações nas diversas áreas do acervo como geologia, paleontologia, zoologia e botânica.
  • A teoria de conjuntos invadiu a classificação biológica: A classificação biológica utiliza a teoria de conjuntos de forma a organizar a diversidade de organismos. Assim, por meio de uma dinâmica com cladogramas, será explicado como se utiliza a teoria de conjuntos na classificação atual dos organismos.

  • Cristalografia - Geometria da natureza: A cristalografia é o estudo dos cristais e de suas estruturas e propriedades. Os minerais eram (e ainda são) descritos pela sua forma geométrica que é típica das espécies minerais. 

  • Animais pequenos e onde habitam: alguns segredos dos parasitos. Vamos ver aqui alguns termos parasitológicos e desvendar mistérios das formas destes animais, quase sempre invisíveis aos olhos nus. E ainda, discutir as principais parasitoses e sua frequência de ocorrência no Brasil e no Estado. Aprender a fazer gráficos e como esses recursos matemáticos são importantes para discutir Saúde Pública. 

  • A Forma das plantas: Discutir de forma divertida e lúdica como as formas geométricas estão presentes nos órgãos vegetais, particularmente nas folhas e como tal característica pode ser usada para agrupar espécies. Visitantes serão desafiados a reconhecer essas formas.

  • Desvendando o passado da Terra: a matemática no tempo profundo. Você quer conhecer o passado do nosso planeta e aprender a calcular quanto tempo duraram as suas eras geológicas? A matemática nos ajudará a descobrir as respostas para perguntas como: qual é a idade da Terra? Quando os dinossauros foram extintos? A quanto tempo surgiram os seres humanos? 

  • A Feira divertida: Vamos falar sobre diásporos (frutos e sementes) e como a morfologia destes afeta os padrões de distribuição espacial e geográfica das plantas. Para isso vamos usar conceitos de massa, volume e densidade.

  • Matematicando com a célula vegetal: Discutir a escala métrica analisando a relação de tamanho entre as estruturas celulares vegetal e estruturas macroscópicas.

 

Confira algumas fotos dos momentos que ocorreram na durante a semana:

 

Momento de reabertura do MUSES

Oficina: A feira divertida

Explicação da teoria de conjuntos no cladograma

Oficina de parasitologia

Oficina de paleontologia

Oficina de cristalografia

Sorteio de brindes do MUSES

Visita guiada ao acervo

Publicação: 09/11/2017

Texto: Lorena Castro

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Avenida Governador Lindemberg, 316 - Centro, Jerônimo Monteiro - ES | CEP 29550-000